De Rit@ a 25 de Outubro de 2005 às 12:27
Vês Jacinto, como há quem me entenda? Cereja, o sentimento corrosivo da inveja também me domina à quinta à noite,quando muito rapidamente e cheia de peso na consciência dou uma saltada ao bairro e já pertenço ao grupo das olheirudas-não-bronzeadas!
Por outro lado a Izzolda também tocou num ponto fraco: o dinamismo, o movimento e o ritmo dos programas que se sucediam naquela altura.
Mas uma coisa se diga: agora os nossos fins-de-semana rendem muito mais e são muitissimo mais valorizados.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres