Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O mundo da Ch@p@

Bons presságios

A.N, 15.09.08

 

 

 

Dez e dez da manhã.

Tarrafal.

Ouvem-se gritos.

Desligam-se telefones com violência.

Nas restantes salas, mergulha-se no silêncio típico da recolha de informações para o posterior mexerico.

 

Hoje é segunda-feira e a semana promete.

...

A.N, 15.09.08

Quando era pequena e o desânimo me fazia duvidar das minhas capacidades, o meu pai incentivava-me a superar-me repetindo, vezes sem conta, que todos somos iguais e que se os outros conseguem não há porque duvidar que eu também consiga.

Não totalmente convencida, fui aplicando esta premissa em muitos momentos decisivos da minha vida.

Mas depois veio a Madonna... E com ela, mais uma vez, a prova irrefutável de que nem todos somos iguais, principalmente a partir dos cinquenta.

 

 

O espectáculo sobrepôs-se, uma vez mais, ao concerto e no final um sabor a pouco ficou na memória.

Não foi o mesmo de há quatro anos atrás, mas ver Madonna, mesmo quando é mau, não deixa de ser bom.

 

 

...

A.N, 10.09.08

 

 

 

A decisão foi tomada e não há forma de negar o lançamento dos dados.

Falava-se em não fechar portas; em deixar o jogo em aberto; em partir para a negociação com o máximo de trunfos possíveis e obviamente com cartas na manga.

E se a religião que um dia confirmei acreditar não me deixar ficar mal, certamente beneficiarei de uma janela que se abrirá quando Deus fechar a porta (da rua) que tanto desejo alcançar.

Pág. 2/2