Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O mundo da Ch@p@

Eat Pray Love

A.N, 14.11.10

 

À excepção do erro de casting do Bardem (que ninguém espera que fale português açucarado e que seja um amante delicado!), gostei mais do filme do que do livro.

Afinal, digerir a história de uma depressão em 90 minutos é mais simpático do que fazê-lo ao longo de 300 páginas.

1 comentário

Comentar post