Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O mundo da Ch@p@

Insensatez

A.N, 14.09.06
A insensatez que você fez,
coração mais sem cuidado
Fez chorar de dor, o seu amor,
um amor tão delicado
Ah, porque você foi fraco assim,
assim tão desalmado
Ah, meu coração quem nunca amou,
não merece ser amado
Vai, meu coração, ouve a razão,
usa só sinceridade
Quem semeia vento, diz a razão, colhe sempre tempestade

Vai, meu coração pede perdão,
perdão apaixonado
Vai porque quem não, pede perdão, não é nunca perdoado...


Antonio Carlos Jobim - Vinícius de Moraes

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.