Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O mundo da Ch@p@

Las dos Fridas, Frida Khalo

A.N, 31.10.04


Nunca vos aconteceu acordar de manhã com uma ideia obsessiva na cabeça que não vos abandona o resto do dia?

Não tem que ser necessariamente uma preocupação. Pode ser uma imagem, uma recordação, um livro, uma música... ( tentem nunca acordar com Dido na cabeça...!)

Esta noite sonhei com o México e com uma das minhas zonas preferidas da Cidade do México: Coyoacán.

Nesse pequeno bairro do D.F nasceu e viveu toda a sua vida a pintora/mulher que mais admiro: Frida Kahlo.

Pela vida que teve, pela forma como a encarou, pelas dificuldades que enfrentou, pelo original das suas pinturas, por ser uma visionária e revolucionária, por apresentar quadros com uma verdade pujante e cruel. Lembrei-me imediatamente do meu quadro preferido: “Las dos Fridas”. Mais do que representar os devaneios de uma criança que tinha uma irmã gémea imaginária, “Las dos Fridas” faz-me pensar que todos nós temos dois lados distintos, Permanecendo embora a mesma pessoa, há sempre algo em nós que desconhecemos, que distancia aquilo que pensamos ser e aquilo que realmente somos.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.